O Projeto Escala Cultural apresenta o seu quinto e último espetáculo neste sábado (31/07), às 20h, no canal 2 Coelhos Comunicação e Cultura, no Youtube.  Pra fechar o Escala, teremos o documentário cênico “Dois (Mundos)” com direção e dramaturgia final de Felipe Vidal.

Aqui, a convergência do teatro com o audiovisual tem como pano de fundo o rock brasileiro, sobretudo o disco “Dois” do grupo Legião Urbana, lançado em 1986.

Vidal conta que essa é uma peça-espelho que dialoga com o premiado “Cabeça”, baseado no disco homônimo dos Titãs, também de 1986.

Felipe Vidal

 “Cabeça traça uma ponte entre o ano de lançamento até 2016. É um olhar para trás.  ‘Dois” é um olhar para frente, uma carta para o futuro. Como o disco foi lançado há 35 anos, a proposta de interlocução é com 2056, 35 anos para frente”, sintetiza.

Pela internet, já foram exibidos os episódios referentes às músicas do lado A, começando com ‘Daniel na Cova dos Leões” (youtube.com/complexoduplo). Para essa apresentação no Escala Cultural, vamos acompanhar “Andrea Doria”.

Captura de tela do espetáculo

Pra quem não sabe, Renato Russo, o líder do Legião Urbana, deu esse nome à musica em referencia ao navio italiano Andrea Doria que afundou em 1956, devido a um grande nevoeiro que o tornou invisível aos radares.

“Renato Russo associou essa imagem aos sonhos e utopias da juventude que, esbarrando na mentira e na hipocrisia, naufragam. Neste episódio investigamos a questão da invisibilidade e do quanto nos sentimos à deriva, aqui, neste país, em 2021”, conta o diretor.

Vidal lembra que, ao contrário do que acontece na maioria dos países do mundo, no Brasil não há uma lei que obrigue o capitão a afundar com seu navio.

“Aqui, entre ratos que abandonam o barco e água para todos os lados, em ‘Andrea Doria’ criamos a nossa E La Nave Va tupiniquim, navegando nesse imenso mar de mentira, vendo os nossos – conhecidos e desconhecidos – se desmanchando na água, nossos sonhos e certezas afundando”.

Mas o diretor é otimista quando lembra do navegador Amyr Klink: “o maior naufrágio é não partir”.

Dois (Mundos) encerra o Escala Cultural que nos apresentou joias da recente dramaturgia via streaming como “A Frasqueira de Jacy”, “12 Pessoas com Raiva”, “Negra Palavra” e “Se eu falo é porque você está aí”.

Assita ao espetáculo neste link:


Serviço

Dois (Mundos) | episódio Andrea Doria
Data: 31 de julho (sábado)
Horário: 20h
Pelo canal da ‘2 Coelhos Comunicação e Cultura’ no Youtube.
Produzido com verba de Incentivo à Cultura
Lei Municipal de Maringá n.º 10988/2019
Prêmio Aniceto Matti


Ficha Técnica

Direção e dramaturgia final: Felipe Vidal
Colaboração dramatúrgica: Leonardo Corajo (textos construídos com a participação do elenco)
Elenco (em ordem alfabética): Felipe Antello, Felipe Vidal, Guilherme Miranda, Gui Stutz, Leonardo Corajo, Lucas Gouvêa, Luciano Moreira, Sergio Medeiros e Tainá Nogueira
Direção musical e arranjos: Luciano Moreira e Felipe Vidal
Mixagem: Gui Stutz
Edição de vídeos: Felipe Vidal e Guilherme Miranda
Concepção de iluminação: Felipe Antello
Videografismo: Eduardo Souza – Pavê
Interlocução crítica: Daniele Ávila Small
Produção: Luísa Barros
Redes sociais: Lucas Gouvêa
Realização: Complexo Duplo

COMENTÁRIOS

LEIA TAMBÉM

POCKET

Exposição de artesanato tem peças com foco na identidade local

São 57 peças produzidas por 19 artesãos locais
POCKET capa-aries-rubia-divino

Rubia Divino lança ÁRIES, primeiro single do álbum ‘Transborda’

Com clipe gravado em Maringá, a música abre os caminhos para o novo álbum de estúdio da artista, que sai em outubro. Assista agora!
POCKET

Solo bilíngue para crianças faz cinco apresentações online

Direcionada especialmente para as crianças, a peça tem atuação em português e Libras
POCKET

“Dois (Mundos)” encerra projeto Escala Cultural 2021

Espetáculo inspirado no disco do Legião Urbana será apresentado neste sábado pelo canal 2 Coelhos, no Youtube.