No próximo dia 21, a CED – Cia Experimental de Dança estreia um novo espetáculo, intitulado “Morada”. A proposta é revisitar um trabalho homônimo de vídeo-dança feito em 2020, durante o isolamento social provocado pela pandemia. Naquela ocasião, cada performer preparou e gravou cenas em sua própria casa e o resultado foi exibido em uma mostra online. Com a retomada das atividades, o vídeo serviu de inspiração para a criação de um novo trabalho, mas desta vez em formato presencial.

“Morada” não faz da pandemia o seu tema, mas contextualiza-se nas consequências que ela trouxe para a vida diária e para os fazeres artísticos nessas circunstâncias. O espetáculo de dança contemporânea traz inquietações individuais e coletivas dos/das intérpretes e convida a responder em conjunto perguntas como, por exemplo, de que forma os ambientes que ocupamos influenciam no modo como nos movemos. Há o desejo de partilhar as possibilidades criativas que os artistas tem explorado na intimidade de seus lares.

Serão realizadas 16 apresentações ao vivo, em quatro residências diferentes e descentralizadas. São duas sessões por dia em cada local (endereços e datas abaixo). Por serem apresentações com público limitado a 15 pessoas, a companhia optou por também transmitir as sessões via internet, fazendo lives nas redes sociais da companhia, já que cada cenário confere ao espetáculo um caráter único. Isso porque, em vez de edifícios teatrais com aparatos cênicos padronizados, será usada a estrutura oferecida por cada residência, considerando as peculiaridades e assimilando, na estrutura do trabalho, novas sequências coreográficas, cenas ou ações performativas a partir de dados específicos das casas.

Foto: Aline Rodrigues

Em cena estão André Miranda, Leonardo Fabiano e Ludmila Castanheira (que também assina a direção deste trabalho, trazendo sua experiência como uma das organizadoras dos Festivais de Apartamento que aconteceram por aqui nos anos de 2015 e 2017 e por todo o Brasil ao longo de dez anos).

“Alocar produções cênicas em ambientes alternativos, como casas e apartamentos, interessa não somente pelo caráter inventivo do feito, como pela partilha da experiência da casa enquanto lugar de aconchego. A escolha por nos afastar dos teatros da cidade configura-se como uma ação política de ampliação de acesso às artes da cidade. Mesmo ao ocuparmos residências que estejam próximas aos centros, estamos fazendo um convite a trocar com aqueles/as que não veem no edifício teatral um local de pertencimento”, explica a diretora.

Em Maringá, a dança ainda não tem o hábito de ocupar casas, como fizeram a performance e o teatro. Em realidade, poucas vezes se viram trabalhos de dança ocupando outros espaços além do palco italiano, o que torna a experiência de “Morada” uma oportunidade e tanto.

Foto: Aline Rodrigues

Este projeto é viabilizado por meio do Prêmio Aniceto Matti, da Prefeitura de Maringá / Secretaria de Cultura e também oferece atividades formativas em sua programação. Não há necessidade de inscrições prévias para as oficinas, apenas comparecer aos locais indicados e participar.

Ficha Técnica:

Direção: Ludmila Castanheira
Realização: CED – Cia Experimental de Dança
Intérpretes: André Miranda; Leonardo Fabiano; Ludmila Castanheira
Produção: Leonardo Fabiano
Equipe de Apoio: Camila Giroto e Hérick Justino
Assessoria de Imprensa: 2 Coelhos Comunicação e Cultura
Designer Gráfico: Sidnei Puziol
Anfitriãs: Ateliê Culturama, Carolina Pera, Natalia Botelho e Vitória Campanari.

Serviço:

Espetáculo “Morada”
Apresentações às 18h30 e às 20h – entrada gratuita
Público limitado a 15 pessoas.
A cada troca de casa/bairro a cia oferecerá uma oficina gratuita e aberta ao público, sempre às 10h.

Veja abaixo as datas e endereços:

CASA 1:
Apresentações nos dias 21 e 22 de maio
Rua Pastor Anisio Francisco da Silva, nº 833, JD. Alvorada
OFICINA 22/05: Praça Farroupilha

CASA 2:

Apresentações nos dias 04 e 05 de junho
Rua Pioneiro Germano Lazaretti, nº 112, Jd. Copacabana
OFICINA 05/06: Parque das Palmeiras.

CASA 3:

Apresentações nos dias 09 e 10 de junho
Rua Pioneiro Marcelino Leonardo, nº 147, Res. Moreschi
OFICINA 09/06: Praça Pioneiro Jacinto Ferreira Branco

CASA 4:

Apresentações nos dias 25 e 26 de junho
Rua Pioneiro Anibal Borin, nº 774, Jd. Paris
OFICINA 26/06: Praça Vítor Rodrigues Martins

Mais informações em: https://www.instagram.com/ ced_danca/

Produzido com verba de Incentivo à Cultura
Lei Municipal de Maringá n.º 11200/2020
Prêmio Aniceto Matti

 

COMENTÁRIOS

LEIA TAMBÉM

POCKET

Peça teatral resgata memórias de infância e busca valorizar a arte Drag

Sessões acontecem nos dias 2, 3, 9, 10, 30 e 31 de julho, sempre às 20h
POCKET

Mostra cultural põe corpo gordo em evidência para discutir preconceito e exclusão

Projeto acontece entre 1º e 23 de julho com diversas ações. Confira a programação completa!
POCKET

Atenção! o FIMA, Festival de Ilustração está chegando. Confira a programação!

Festival terá atividades presenciais e online
POCKET

Conheça “Affectus”, novo espetáculo solo de Vanderlei Junior

Espetáculo estreia dia 18 e segue em cartaz até dia 27 no Teatro Barracão, em Maringá.