A Festa Literária Internacional de Maringá (Flim) chega à 5ª edição e acontece entre os dias 21 e 25 de novembro, no estacionamento do estádio Willie Davids.

Este ano, com o tema “Resistências”, a FLIM será realizada no mês da celebração nacional da Consciência Negra e dará visibilidade às mulheres, negros, índios, refugiados e LGBTs, temas escolhidos para a discussão.

Serão diversas ações, como: palestras, oficinas, mesas e bate-papos. As atividades são gratuitas e a inscrição é feita online no site do evento.

A programação literária foi definida por uma comissão liderada pelo curador Rogério Pereira – jornalista, escritor e diretor da Biblioteca Pública do Paraná. Tendo como patrona a escritora Conceição Evaristo (RJ), a feira conta com destaques no cenário das letras, como Fabrício Carpinejar, Carola Saavedra, Luís Henrique Pellanda, além de uma das maiores revelações da atual literatura latino-americana, a escritora argentina Selva Almada.

Fabrício Carpinejar, Carola Saavedra, Luís Henrique Pellanda e Selva Almada

Durante os cinco dias de evento, haverá dezenas de expositores, como A Página Distribuidora de Livros,  Editora 34, Academia de Letras de Maringá e Livrarias Curitiba, com diversas opções de livro para todos os bolsos.

No espaço “Base”, da FLIM, autores vão lançar suas obras com sessão de autógrafos. Entre os lançamentos, estão a carioca, Iara Ribeiro, e a obra “Andarilhos de Cordel”, a curitibana, Lilia Maria Machado Souza, e o livro “Chá das Cinco”, e o maringaense Jeferson Luiz Cadamuro Nunes, com “A mosca no cérebro”, desenvolvido com 68 crônicas, inclusive sobre Maringá.

+ Circular Pocket: Livro ‘A mosca do cérebro’ será lançado dia 23 de novembro na Flim

Espetáculos e shows somam com a literatura

Além das atividades literárias, o público vai prestigiar diversos espetáculos, entre eles, “África esse chão que eu piso”, do Grupo Cia. Herpérides, “Contos e encantos indígenas”, da Cia FantoKid´s Teatro de Bonecos e “Do Teatro Brasileiro de Protesto “1964-1968”, Um Musical”, do coletivo Arte Adentro.

+ Circular Pocket: Coletivo Arte Adentro homenageia a história do teatro musical brasileiro de protesto

Com diversos shows programados, o “Palco Resistências” vai receber , entre as principais atrações, o rapper, compositor, apresentador e produtor, Rappin’ Hood. Outra grande expectativa é a apresentação de Arnaldo Antunes, um dos criadores do Titãs e do trio Tribalistas. Arnaldo também é poeta e já levou o Prêmio Jabuti  – um dos mais importantes e tradicionais prêmios literários do Brasil – pelo livro “As coisas”, na categoria Poesia.

A programação completa você confere no site da FLIM.

COMENTÁRIOS

LEIA TAMBÉM

POCKET

Livro sobre as experiências enfrentadas por imigrantes é lançado em Maringá

"O Sol de um Novo Jeito”, do jornalista Victor Duarte Faria, vai ser lançado no sábado (7) pela editora Trema, em Maringá
POCKET slam pé vermelho

Campeonato de slam Pé Vermelho chega a nona edição

O concurso de poesia falada acontece no dia 16 de fevereiro, na Praça da Prefeitura de Maringá
POCKET

“Bafo de Gralha”: 15º espetáculo da CiaSenhas terá apresentação gratuita em Curitiba

Espetáculo estreia dia 29 de janeiro na Alfaiataria
POCKET

Bacurau terá sessão única em Maringá nesta quinta-feira (28)

Filme não entrou no circuito dos cinemas e terá sessão gratuita na cidade